Média para entrar em Engenharia Electrotécnica

Como profissional de Engenharia Electrotécnica será capaz de de intervir na análise, especificação, projecto, industrialização, comercialização e utilização de produtos e serviços que utilizam a Electricidade, e deparar-se com outras formas de energia, tendo a Electrónica e as Tecnologias de Informação como suporte. Necessitará um espírito crítico, flexível e criativo que contribua para a investigação e inovação do progresso nas mais variadas actividade e sectores da sociedade.

Terá acesso a áreas tecnológicas de Telecomunicações, Energia, Electrónica, Robótica, Decisão e Controlo, ou mesmo desenvolvimento de sistemas e produtos para medicina, biotecnologia, espaço, oceanos, ambiente, e muitos outros. Existem ainda áreas de consultadoria e desenvolvimento de software, bem como Banca e Serviços, o que pode ajustar-se a si ou não; nem todos lidamos com a electricidade da mesma forma.

A média para entrar em Engenharia Electrotécnica situa-se nos 11 valores, mas como é óbvio muda de local para local. Abaixo apresenta-se uma lista de cursos de Engenharia Electrotécnica nas universidades em Portugal.

 

3012