Endocitose e Exocitose

Para além dos mecanismos de transporte já descritos, as células efectuam o transporte de materiais de grandes dimensões, como macromoléculas, conjuntos de partículas ou mesmo células, entre os meios intracelular e extracelular.

Na endocitose, a célula inclui no seu citoplasma moléculas do meio exterior. Este processo inicia-se com a formação de uma invaginação da membrana plasmática que vai, progressiva­mente, englobando o material extracelular. Esta invaginação acaba por se destacar da mem­brana, formando uma vesícula endocítica . De acordo com o tamanho e a natureza do material englobado, classifica-se a endocitose em:

  • Fagocitose — a célula emite prolongamentos citoplasmáticos, os pseudópodes, que envol­vem partículas de grandes dimensões ou mesmo células inteiras, acabando por formar uma vesícula que se destaca para o interior do citoplasma.
  • Pinocitose — a membrana celular, por invaginação, engloba fluido extracelular contendo ou não pequenas partículas. Esta invaginação evolui para a formação de pequenas vesícu­las endocíticas.

Na exocitose, a célula liberta para o meio extracelular produtos resultantes da digestão intracelular ou moléculas sintetizadas no seu interior, tais como produtos de metabolismo celular, certas secreções (hormonas e enzimas) e proteínas estruturais (colagénio). Neste processo as vesículas de secreção convergem para a membrana, fundem-se com ela e libertam o seu conteúdo no meio extracelular.